Elite Blog

FILTRAR AS CATEGORIAS

MONTE SAINT MICHEL: BELEZA ESTONTEANTE, ARQUITETURA MAJESTOSA E INCRÍVEL FORÇA DA NATUREZA!

09/08/2018

Localizado ao norte da Normandia, o Monte Saint-Michel (em francês, Mont Saint-Michel) é um ilhote rochoso na foz do rio Couesnon em uma enorme baía invadida pelas marés mais altas na Europa. É um dos pontos turísticos mais visitados da França (recebe cerca de 2,5 milhões de pessoas por ano) e possui este nome em homenagem ao arcanjo São Miguel.

Considerado como uma das “Maravilhas do Mundo Ocidental”, foi classificado como monumento histórico desde 1862 e declarado como Patrimônio Mundial da UNESCO desde 1979.

Este encantador vilarejo medieval é todo murado e possui um grande número de casas classificadas como monumentos históricos, pequenos museus locais, lojinhas e restaurantes. Além de mirantes para apreciar a vista de todo o entorno do litoral. Para completar o cenário de conto de fadas, abriga ainda no topo um santuário em homenagem ao arcanjo São Miguel.

A seguir, apresentaremos um pouco de sua história e as atrações locais para que você possa se programar para conhecê-lo em uma viagem à França. 


HISTÓRIA

A história do Monte Saint-Michel, denominado a princípio como Mont Tombe teve início em 16 de outubro 709. Diz à lenda que Saint-Aubert solicitou a construção de um santuário em homenagem a São Miguel, após a aparição do arcanjo em seus sonhos por três vezes ordenando-lhe que consagrasse o monte ao seu culto.

Em 966 uma comunidade de monges beneditinos se instalou no local a pedido do Duque da Normandia e construiu uma abadia pré-românica. Ao longo dos anos uma pequena vila foi se formando e vários acréscimos realizados na abadia durante os séculos XI e XIII. O local tornou-se um centro espiritual e intelectual para oração e peregrinação (um dos mais importantes do Mundo Ocidental Medieval). Além disso, foram realizados neste período projetos para reforçar a defesa do local.

Durante a guerra dos Cem Anos, o Monte Saint-Michel resistiu a todas as tentativas de tomá-lo. No entanto, durante a Revolução Francesa, os monges foram expulsos e o local transformado em prisão, recebendo prisioneiros até o ano de 1860.

Em 1862 o Monte Saint-Michel foi classificado como monumento histórico e em 1979 declarado como Patrimônio Mundial da UNESCO. 
Em comemoração ao seu milênio, no ano de 1966 a comunidade religiosa voltou para suas antigas habitações, reocupando as salas de oração e tornando-o novamente um local de peregrinação. Mas, acabaram por abandonar o local gradativamente nos anos posteriores.

No ano de 2001, a comunidade da Fraternidade Monástica de Jerusalém se instalou no monte e desde então organiza celebrações diariamente. 


ATRAÇÕES

Este encantador vilarejo medieval possui um grande número de casas classificadas como monumentos históricos. Andar por suas ruas e vielas é uma de suas atrações mais agradáveis e surpreendentes, pois, é possível observar um detalhe diferente em cada cantinho, imaginar como era a vida na era medieval, se encantar com a arquitetura das construções e da paisagem.

Também é possível passear nas lojinhas de souvenirs para adquirir diversos tipos de lembranças e objetos.

No interior das muralhas, podemos visitar quatro museus: o Arqueoscópio que consiste em um espetáculo multimídia que narra à história do Monte; o Museu Histórico que abriga uma ampla série de figuras de cera dos personagens mais importantes do local (imagem abaixo), objetos antigos e de tortura; o Museu do Mar e da Ecologia que apresenta a história da baía e o Casa de Bertrand Duguesclin e de Tiphaine dedicado a demonstrar o estilo de vida de um cavaleiro na Idade Média e o estudo de astrologia.

Fonte imagem: site http://en.lemontsaintmichel.info/

Na a Abadia, a principal atração do Monte: pode-se observar um panorama da bela arquitetura medieval do século XI ao século XVI.

No Monte Saint-Michel pode-se também observar a incontrolável força da natureza que ocorre por meio de suas marés. É inacreditável imaginar que em questão de poucas horas a paisagem pode mudar completamente. Uma coisa é certa, o monumento é belíssimo tanto na maré baixa quanto na maré alta.

Imagem: maré baixa

Imagem: maré alta

Na maré baixa, os aventureiros podem atravessar a baía e explorar os bancos de areia caminhando com guias da região (jamais vá sozinho, pois é perigoso).


ESPECIALIDADES CULINÁRIAS  

Não deixe de provar a omelete do La Mère Poulard, este prato é o prato símbolo do Monte.
 

Apaixonou-se pelo lugar? Então venha conhecê-lo com a Elite Turismo!

Oferecemos um passeio completo com motorista guia bilíngue (português – francês) que te guiará do seu hotel em Paris até o Monte Saint Michel e depois de volta à Paris, com segurança e conforto. Além disso, em nosso passeio, os ingressos para a abadia já estão inclusos, desta forma você evitará as filas de espera e poderá utilizar o seu tempo aproveitando a beleza e os encantos do local. Durante o dia também terá tempo livre para curtir a cidadela em seu ritmo e tempo! 

RECEBA AS NOVIDADES!

Preencha o formulário e fique atulizado com as notícias e dicas do Elite Blog, e as novidades e promoções da Elite Turismo.

Contato

Ligando do Brasil

Reserve pelo Whatsapp

+33650174614

+33699661776

Ligando da França

0650174614

0699661776

Ligando da Europa

+33650174614

+33699661776